Entenda por que ter um data center poderoso na sua empresa

Microservice

Todo profissional de tecnologia da informação (TI) sabe que o data center é o coração da era digital. Afinal, é nele que é processado e armazenado tudo o que vemos e fazemos online, englobando desde a publicação de conteúdo nas redes sociais até o arquivamento de informações sigilosas de uma empresa. No campo corporativo, o data center centraliza as operações e a infraestrutura de TI, sendo responsáveis por armazenar, gerenciar e disseminar os dados gerados pela organização.

Os data centers são o que chamamos de servidores, e podem ser instalados em um espaço dentro da própria empresa (servidores internos) ou fora dela (servidores externos). Este último tipo, inclusive, faz parte da computação na nuvem, uma tecnologia que tem ganhado bastante espaço no mundo dos negócios. Isso porque as empresas podem fazer todo o gerenciamento dos seus dados por meio de um sistema online, sem a necessidade de construir seu próprio servidor, o que gera muita economia.

O funcionamento do data center

Atualmente existem duas categorias principais de data center, o internet data center (IDC) e o data center privado (PDC). O primeiro é utilizado para oferecer diversos tipos de serviços de conexão, hospedagem de site e de equipamentos dos usuários. Esses serviços incluem comunicação de longa distância, internet e armazenamento de conteúdo, por exemplo. Por isso, costuma ser operado por um provedor de serviços de telecomunicações, operadoras comerciais de telefonia ou outros tipos de prestadoras dessa área.

Enquanto isso, o PDC, ou data center empresarial, tem o objetivo de armazenar dados resultantes de operações de processamento interno e também de aplicações voltadas para a  internet. Desta forma, esse tipo pertence e é operado por corporações privadas, instituições ou agências governamentais.

Essas informações são importantes na hora de definir a arquitetura dos servidores, pois os requisitos de instalação, de infraestrutura e de segurança dependem do tipo deles e da empresa para o qual serão construídos.

Construindo um servidor

Um data center moderno precisa ser bem projetado por conta da possível necessidade de aumentar o número de computadores e, consequentemente, as conexões. Também é preciso considerar o crescimento da base de clientes e das configurações exigidas pelo sistema, o que demanda mais espaço, armazenamento e rapidez no processamento das informações. Por isso é tão importante planejar o local pensando em todos esses fatores logo no início do projeto. Caso esse processo não seja realizado, o data center vira uma desordem com o tempo, sendo difícil controlar.

E como deve ser feito esse planejamento? O primeiro passo é ter um equilíbrio entre três fatores: tendências tecnológicas, padronização e modularidade. Para impedir que o servidor se torne rapidamente obsoleto, os profissionais devem desenvolver um espaço preparado para possíveis aumentos na carga de refrigeração, nas demandas de alimentação elétrica e no espaço para a passagem de cabos. De fato, essa tarefa não é das mais fáceis. Afinal, como vamos saber quais mudanças podem vir a acontecer para, então, dimensionarmos as eventuais folgas em cada sistema? É nesse sentido que entra a importância do conceito de modularidade.

Essa abordagem consiste em determinar módulos de equipamentos adequados para o serviço a ser prestado. Cada um deles precisa considerar as folgas de energia elétrica, a refrigeração e o espaço físico, conforme já explicamos. Depois, eles são agrupados de forma hierárquica, compondo a infraestrutura final. Essa estrutura modular proporciona muita economia e permite a construção de um ambiente que sempre pode ser adaptado conforme as necessidades que surgirem. Com isso, tem-se de forma mais fácil o balanço entre a capacidade do espaço para equipamentos e para a  infraestrutura.

A importância da segurança

Um dos aspectos mais importantes em relação a essas instalações é a segurança, seja ela interna seja externa. Afinal, ninguém deseja ter informações da empresa em mãos erradas, concorda? E também não é nenhuma novidade que, por armazenar e gerenciar esses dados, os data centers estejam constantemente na mira dos hackers. Daí a importância de sempre conferir a segurança dos servidores e contar com programas especiais que o protegem de possíveis ataques.

Se você estiver precisando de um auxílio para estruturar de forma segura o data center da sua empresa, entre em contato conosco. Nossa parceria com a HP nos dá acesso a tecnologias pioneiras e que atendem a qualquer carga de trabalho. Nossos profissionais estão prontos para analisar a realidade da sua empresa e indicar os servidores mais adequados para ela.

 

SP (11) 4063-8108 | RJ (21) 4063-3343 | MG (31) 4063-7161 | PR (41) 4063-7161 | SC (47) 3322-2343 | RS (51) 4063-7161 | PE (81) 4062-9072